13 março 2012

e mais uma vez a galinha da vizinha é ligeiramente mais gorda que a minha...




Eu bem digo que me deviam pagar um subsído de insularidade!

(troco o Lunchkonzert de hoje - e olhem que hoje vai ser bom! - por uma tacinha dessas de crème brûlée - quem vai nisso?)

(Eh, pá, e de repente lembrei-me de uma crème brûlée au romarin que comi na Borgonha, tão boa que perdi a vergonha e fui pedir a receita ao chefe, tão simpático que ma deu num papel rabiscado, e era assim: 18 gemas de ovos, 2 litros de natas, já não sei quanto açúcar, um ramo de alecrim. E mainada. Depois andei a tirar pela intuição feminina, e fiz leite-creme com um raminho de alecrim a cozer no leite, e ficou uma delícia.)

3 comentários:

Paulo disse...

Tão apetitoso tudo que até apetece beber a dita.

Helena disse...

:-)
Apetece é meter-me no próxima avião para Portugal!

Helena disse...

"próxima avião"... isto de escrever com a boca cheia de água, é um sarilho.