04 julho 2011

correio das ilhas (9)

Olá, Rita

obrigada pela ligação ao texto do José António Saraiva, e pela série "saraiva aplicado" - o que já me ri hoje.
Obrigada, sobretudo, por me resolveres uma curiosidade que me atormenta há décadas: agora sei com quem casou a Susaninha do Quino! 
Pois que sejam muito felizes, que é um gosto quando duas almas tão gémeas se encontram.

(eu sei que devia argumentar, e explicar para onde vão aqueles custos de pessoal e assim, e perguntar quem é essa classe média que faz férias em hotéis de cinco estrelas por default, mas o dia está muito bonito, e o almoço da quinta estava muito bom - embora com ingredientes baratinhos, eles provavelmente andaram a ler o José António Saraiva, ou talvez o Sarrazin quando, de cima dos seus muitos milhares de euros por mês, andou a explicar aos pobres como podiam viver com 10 euros por dia -, e portanto ficamos por aqui)

4 comentários:

Rita Maria disse...

Aqueles custos de pessoal assustaram-me, se forem mesmo verdsadeiros as pessoas em Portugal pagam muitos mais impostos do que na Alemanha...mas tendo em conta a exactidao do resto...

Helena disse...

Não te esqueças dos encargos do empregador. Por exemplo, o seguro de saúde: na Alemanha o teu empregador paga tanto como tu.
Mas o que me interessa mais nesta história é mesmo saber a Susaninha bem casada. Pensava que não havia de encontrar ninguém que se desse bem com ela, mas afinal...
(tu conheces a Mafalda? É que é como a Décima Sétima, não é bem do teu tempo...) (se quiseres, passa lá por casa, dou-te uma pós-graduação nesse tema) ("lá" por casa, hehehe - o que faz estar a falar de tão longe, de tão perto)

Rita Maria disse...

Ó Helena, até me ofendes. Se conheço a Mafalda...

(mas a do salário era séria, eu estava a comparar o bruto que me paga o empregador com o meu líquido depois do seguro de saúde. Eu recebo mesmo que os empregados do Saraiva, mas eles pagam-me menos 400)

Helena disse...

Ó Rita, já estou de joelhos no milho a pedir desculpa!
O melhor é perguntares ao teu empregador quanto gasta contigo. Mas é bem mais que o bruto que aparece na tua folha de pagamentos.