03 dezembro 2011

eles por eles

Gravações em rolo de papel para pianolas:

"Bridal Procession" - Edvard Grieg (1843-1907)


Prelude in C Sharp Minor - Rachmaninov


Etude Op.8 No.12 - Alexander Scriabin


Toccata in D minor Op.11 - Prokofiev


Piano Sonata - Igor Stravinsky (1925)


Arabesque no.2 - Debussy


Original Rags -Scott Joplin (1899)


Rhapsody In Blue - Gershwin



Um pequeno extra: Rachmaninoff toca Rimsky-Korsakov "Scheherazade" (1º mvmt)

11 comentários:

Paulo disse...

Que colecção! E conheces uma gravação de Rach por ele próprio mas com orquestra? Não é gravação em rolos para pianola? A ver se o lápis azul não to corta.

Helena disse...

Cortou, cortou.
Eu tenho um CD Rachman plays Rachman.
Que peça é essa que me querias mostrar? Se disseres o nome, e tal, talvez eu encontre no vimeo ou assim.

Helena disse...

é este?

http://irc.lv/video?id=cvDYTz1qwnbm

(é estranho que, para ouvir música tão bonita, tenha de ir a um site cheio de chamadas para sites porno, tanta agitação de soutiens, bailhamedeus...)

Paulo disse...

Também tenho um CD chamado assim. Se calhar é igual ao teu. E era o primeiro andamento do 2.

(Aquela espécie de youtube é assustadora. Estou aqui fartinho e de mãos calejadas de tanto me benzer.)

Helena disse...

hahahaha

(já disse num post anterior: nem que fosse a pagar. Não me importava de ter uma conta aberta no youtube para ir pagando direitos aos autores quando vejo os vídeos. Mas este corte na comunicação é um absurdo.)

Paulo disse...

A propósito de cortes (desses e de outros), não percas o meu próximo post. Dá-me uns cinco minutos. Ahahahah

Helena disse...

hahahahaha

Rui Bebiano disse...

Mas isto foi preparado a posteriori, não foi? É que alguns - sobretudo as peças do Grieg e do Prokofiev - são particularmente límpidas em termos acústicos...
Obrigado, Helena!

Helena disse...

Rui, este post é de certo modo uma ousadia, porque eu confiei no que diziam no youtube. Pode ser uma gracinha de alguém...
No entanto, alguns dos textos que acompanham o filme parecem-me muito sérios.
Num dos filmes li um comentário onde alguém explica que passaram o rolo numa pianola moderna, e os engenheiros de som fizeram o resto do trabalho.

Paulo disse...

Penso que é sério, sim. Há uns anos saíram vários CD com essas gravações e li numa revista da especialidade como é que isso se faz. Existem vários rolos para pianola gravados por compositores que podemos continuar a ouvir, faz de conta, ao vivo. O que eles fizeram foi gravar o som de uma pianola a tocar esses rolos.

Helena disse...

Fala quem sabe! :-)