10 março 2012

Helena Araújo, aceitam-se todos os tipos de desafios, Lda.

Agora mesmo, por exemplo: estou a traduzir versos (atenção: não disse "poemas"!) de alemão para brasileiro. Onde é que eu tinha a cabeça quando aceitei fazer isto? Valha-me Santo Acordo Ortográfico, padroeiro dos tradutores mais tresloucados.



Se não tivesse o Aurélio
ia ser um caso sério


Mas como tenho, de fato
isso é o maior barato.


(Espero que o revisor
tenha sentido de humor)


***

E agora sei porque é que em 1996 entrei para uma lista de tradutores brasileiros com a intenção de aprender melhor como é que se fala no Brasil: para em 2012 poder fazer este trabalho!
(Helena Araújo, investimentos a longo prazo, Lda.)

7 comentários:

sem-se-ver disse...

lol!

mdsol disse...

Vá lá, porque desta vez,
Não é para "mineirês"!


:))))

Helena disse...

Mineirês, não sou capaz.
Carioca, já se faz!

:)))

Helena disse...

Helena Araújo, guia de viagens na maionese, Lda.

;-)

Paulo disse...

Se traduzisses pra Paulista,
Eras uma grande artista.

Helena disse...

Era, era, Paulo.
A propósito: paulista é o teu dialecto? Com aquelas palavras giras como "ouver" e assim?
;-)

Paulo disse...

;-)