18 maio 2011

o FMI a trabalhar


Recebi esta imagem por e-mail, com o comentário "E depois ainda dizem que não somos criativos e produtivos!!!"

Criativos e produtivos, sim. Mas em termos de exactidão, estamos conversados...

Ou sou só eu que acho que falta um tracinho importante neste desenho?

Pois é: esforçam-se muito, mas esquecem os aspectos mais essenciais do trabalho do FMI, e depois admiram-se que o país não anda para a frente.

5 comentários:

sem-se-ver disse...

tb reparei nisso, mas... nao quiseram ser ordinários :)

Helena disse...

Aaah, terá sido isso?
Estava aqui a pensar que podia haver uma mensagem subliminar, do género "o FMI assusta muito, mas tem pouco com quê"
(hehehe)

Gi disse...

:-)@ cartaz (que também recebi, mas sem o comentário), ;-) @ post, :-D @ mensagem subliminar.

Júlio de Matos disse...

Não, o FMI é tão poupadinho, tão poupadinho, que até poupa no «Viagra» e depois é o que (não) se vê...

Helena disse...

vocês são é danados para a brincadeira! :-D

(Júlio de Matos: essa explicação é muito plausível! Sim senhores, grandes exemplos!)