24 janeiro 2013

não sei porquê, mas suspeito que no dia em que comprei este gorro estava convencida que sou uma grande cabeça



Enfim, não se perde tudo: no carnaval posso ir vestida de Maria Antonieta (quando ainda tinha cabeça) (ou Marge Simpson) - já tenho gorro para proteger o penteado.

Em compensação, no dia em que caíram estrelinhas do céu eu tinha os olhos tapados, triste vida. Aqui estão duas, pousadas no cachecol (do lado esquerdo):

4 comentários:

Ana V. disse...

Uma grande cabeça, sem dúvida! :)
Sou seguidora silenciosa deste blog e ontem ao ver este artigo lembrei-me de o deixar aqui. Resto de boa semana!

http://publishingperspectives.com/2013/01/cultural-homogeneity-and-the-future-of-literary-translation/

Helena disse...

Obrigada, Ana.
Vou já ler.

Karine Tavares disse...

Gostei muito do teu blog! Leve, delicado, sincero.

Passa lá em casa hoje:
leiakarine.blogspot.com

Helena disse...

Obrigada, Karine. Passei pela sua casa, e gostei. Quase ia roubando algumas fotografias! :)