22 janeiro 2016

inverno, em glorioso - e hoje não me esqueci das luvas





Havia um homem a fazer esqui de fundo no lago. Ia e vinha, ia e vinha.
O Fox também: fugiu-me cinco vezes enquanto eu tirava as fotografias. Ia - e eu feita pateta a gritar "Foooox! ó Fooooox! Já aqui!" - e vinha.
Mas esperou pacientemente cinquenta vezes. Tive de lhe perdoar aqueles 10% de falta de juízo. Ou isso, ou deixá-lo em casa nos dias em que levo a máquina fotográfica para o seu passeio matinal.






 
 
 
  

Não costumo tirar fotografias a outras pessoas e cães. Hesitei antes de tirar esta, e acabou por não sair tão engraçada como a própria cena: um cão estava a atirar neve para trás, e o pateta do Fox levava com ela toda no focinho. Protestava em altos latidos, em vez de se tirar dali. 


3 comentários:

jj.amarante disse...

Desta vez guardei a 1,2,3,7,8,9,10,11 e 12. Gostei mais da 1, da 7, da 9 e ainda mais da 10. Isto é a opinião dum amador, pergunte aí a alguém que perceba do assunto se já tem material para uma exposição.

Helena disse...

Nem sei que diga. Obrigada!
Eu gosto das fotos, mas acho que devia ter conseguido apanhar melhor o gelo em algumas. Está "borratado".

jj.amarante disse...

Quando se diminui a profundidade de campo, o que permite destacar um elemento, ficando o fundo desfocado, tem que se ser muito exacto na focagem.

Eu falho muitas vezes nessa área. Talvez por isso deixei de me importar muito. A certa altura na Europa os pintores adquiriram uma grande mestria na reprodução exacta do que viam depois, talvez com o aparecimento da fotografia, chegaram os impressionistas. Agora pode ser que aconteça o mesmo às fotos. Não sei se as suas fotos passavam num exame de técnica fotográfica mas são agradáveia à vista. Se tiver paciência pode tirar um curso de fotografia e depois ensinar alguns truques e técnicas aos leitores do blogue.