01 janeiro 2015

mudar de cor

Ontem não tive tempo de vir contar que o meu lago mudou de cor, e hoje já mudou de cor outra vez. Assim não dou vazão. Mais valia destacarem para cá alguns dos abutres que espreitam a prisão de Évora, para ficarem de vigia ao meu lago e irem contando ao mundo as novidades. Sempre seriam mais produtivos que no sítio onde estão.













(O Fox no primeiro dia do ano, a recuperar dos sustos que apanhou com os foguetes do último dia do ano.)


4 comentários:

jj.amarante disse...

Brrrr, qu'a frio! O que são esses 3 discos amarelos?

Gi disse...

Não há direito: o foguetório devia ser silencioso para não assustar a bicharada.

Helena disse...

jj.amarante,
não estava assim tanto frio. É um frio seco, muito suportável. Viu numa fotografia anterior que andei a limpar a neve sem luvas e de casaco aberto? Não é por ser maluca, é mesmo por não estar muito frio.
Os discos amarelos são candeeiros de jardim que funcionam a energia solar.

Gi,
se inventassem esses foguetes...
(mas acredito que as pessoas sentissem falta da barulheira)
Os meus vizinhos dão calmantes aos cães. Eu, que nem sei o que isso é para mim, não me imagino a dá-los ao pobre do Fox.

Luis Novaes Tito disse...

Acabou-se o disfarce que o Fox tinha no Outono. Com o branco da neve passou a ser visível.
Bom ano para ele e para a dona do mais famoso cachorro da Net portuguesa.