27 setembro 2013

maldito estrangeiro!



A Christina um ano na Bolívia, o nosso apartamento de repente tornado enorme. O Matthias hoje a sair para dez dias em Roma, o meu coração pequenino já cheio de saudades do nosso "Jeune Romain".
E por estes dias um amigo que vem para Berlim em busca de trabalho, e deixa um vazio grande na casa da família, em Lisboa.
Quem inventou o estrangeiro devia ser um cínico sádico.

2 comentários:

lb disse...

Tens razão. Mas também é verdade que sem estrangeiro não terias encontrado o Joachim nem eu a Margarida. :)

Helena disse...

Lá estás tu outra vez a confundir-me com a realidade!... ;-)