31 outubro 2012

dias de Outono



Na rua, o Fox fareja as folhas caídas no chão. Vira-as de um lado e do outro como se procurasse alguma coisa. Depois trota pelo tapete amarelo, atira as folhas em todas as direcções, fá-las restolhar com gozo.
(E como me lembro do som dos meus próprios pés de cinco anos a atravessar os passeios do Outono!)

Ontem chovia. A primeira vez que havia chuva e frio na rua. O Fox desceu as escadas do prédio, parou de nariz no ar, deu meia volta e mostrou-me sem margem para dúvidas que aquilo não é para ele.
É um cão português, pobrezinho. Vai-lhe ser um Inverno muito comprido...

5 comentários:

Gi disse...

Adoro o Fox. Não tenhas vergonha de lhe comprar umas camisolinhas e um impermeável para o Inverno.

Helena disse...

É, acho que vai ter de ser. Que o bicho é mesmo do sul, não acha graça nenhuma a este frio.

Cristina Torrão disse...

A minha Lucy nasceu aqui na Alemanha e também não gosta nada de chuva ;)
Com o frio, lá se vai dando, agora, chuva...

Helena disse...

E então, compro o casaquinho ou não?
(o desgraçado do Fox, na versão do Matthias, "quando está a chover não faz cocó")

Cristina Torrão disse...

Bem, se gostar de o ver de casaquinho, compre-lho, "nichts spricht dagegen" (digo em alemão porque não me lembrei de equivalente em português). Mas, normalmente, a regra diz que um cão só precisa de usar casaquinho se tiver problemas de saúde e, aí, o veterinário é o primeiro a recomendá-lo.

Pois, quanto ao cocó... Conheço o problema. Mas pode ser que melhore com a idade, isto é, o Fox é capaz de ficar menos piegas, quando crescer. O importante é que continuem a sair com ele, mesmo que chova ou faça frio, para ele se habituar.