03 dezembro 2011

festa de Natal de portugueses para portugueses e com portugueses

(Sendo capaz de fazer títulos destes, não sei porque é que não me pedem a mim para escrever os discursos do presidente da república no "dia da raça"...)

Ando há que tempos para contar esta história, e afinal não vou ter tempo para os detalhes. Resumidamente: há meses chegou a Berlim um compatriota nosso que achou estranho os portugueses que moram nesta cidade não saberem uns dos outros. Curiosamente, ele chegou aqui mais ou menos na altura em que eu me tinha dado conta do mesmo: quando andei aflita para tentar avisar os portugueses que podiam assistir a um Governo Sombra em directo.
Só que, perante o mesmo problema, eu desenrasquei como pude (tens a minha eterna gratidão, Rita!) e ele deitou mãos à obra. Começou a falar com uns e outros, a organizar umas reuniões e tal, e meia dúzia de meses mais tarde já há uma mailing-list no Google e um grupo "Portugueses em Berlim" no facebook, por onde passam informações, pedidos de ajuda, ofertas de emprego, ofertas de apartamento, ofertas de ajuda a imigrantes, o que calha.
(Viesse o Governo Sombra agora a Berlim, podíamos encher o Olympia Stadion. Ou quase, vá.)

E amanhã há festa. Com comidas portuguesas (yes: rissóis!) e bebidas portuguesas (espero que haja Sumol de laranja) e artistas portugueses que vão participar gratuitamente. E até público português que vai ajudar também: a vender os rissóis e o mais que for preciso.
Amanhã, domingo 4 de Dezembro, em Berlim, vai ser dia de matar saudades dos sons e dos sabores que nos são tão familiares. A entrada é livre.

Tudo isto porque alguém acreditou e começou a fazer, e porque outros embarcaram generosamente no sonho. Por estas e por outras é que eu acredito que o mundo está cheio de gente boa.

***

Programa:

Parte I

15:00 – Abertura
15:30 – Apresentação das crianças alunas da Escola Europeia Bilingue Português / Alemão
16:00 – Canções de Natal – Madalena Leal de Faria (Soprano) e David Santos (Piano)
16:15 – Projecto DeLavoisier (Música)
16:45 – Apresentação de projetos de portugueses em Berlim
17:00 – Ópera – Inês Thomas Almeida (Mezzosoprano), Mónica Monteiro (Soprano), David Santos (Piano)

17:20 – Intervalo

Parte II

18:00 – Jazz – Carlos Bica (Contrabaixo) e Carsten Daerr (Piano)
18:30 – Vaudeville – Lúcia Vicente (Dança)
18:45 – Apresentação de projetos de portugueses em Berlim. Distribuição de presentes às crianças e entrega de um quadro do artista Carlos Martins.
19:00 – Trio Fado
20:00 – Discoteca – DJ Atom
23:00 – Encerramento da Festa de Natal

A Festa de Natal terá lugar na Werkstatt der Kulturen, na Wissmannstraße 32, 12049 Berlim.

10 comentários:

Paulo disse...

Mas deve ser desta que levas a medalhinha no 10 de Junho.

Helena disse...

:D

(Eu, não. Mas aquele compatriota, acho que merece, sim)

Paulo disse...

Esse merece pelo menos Torre e Espada.

Helena disse...

:-)

Maria Bê disse...

Helena,
De emigrante para emigrante, lindo!
A primeira coisa em que pensei quando comecei a ler o texto foi que a reacção do nosso compatriota foi igual à de tantos (e à tua e à minha) de procurar outros patrícios, gente que se entende no seu gosto pelos rissóis (saudades), sardinha assada (saudades), Sumol de laranja (saudades), broa, etc. Fico feliz que não tenha cruzado os braços e tenha lançados mãos à busca.
Amanhã um bocadinho de mim estará em Berlim a festejar também.
Um sorriso!

Helena disse...

Maria Bê,
o "nosso compatriota" (um dia destes havia de escrever aqui o nome dele) não andava propriamente à procura do quentinho dos rissóis, mas de conhecer os portugueses para criar uma rede de entreajuda. Isto acabou por resultar também em festa de Natal, porque o grupo foi por aí, mas podia igualmente ter resultado em ver se há por cá homeless portugueses que precisem de "uma mãozinha". E penso que não se ficará apenas por festas e iniciativas culturais. Aliás, já está a dar outro tipo de frutos: já vi emails com ofertas de emprego, entre outras ajudas!

CCF disse...

Quase apetece estar em Berlim :)
Boa festa.
~CC~

Água de cor disse...

e bolas! de Berlim, claro.

Interessada disse...

Abençoado compatriota e abençoada Helena, que partilham sem cessar e desafiam outros a fazê-lo.

Helena disse...

Interessada: eu não fiz quase nada! A medalha vai inteirinha para outros "compatriotas".
Eu, propriamente dita, só me sinto muito grata por isto estar a acontecer na minha vida. Ontem a festa foi mesmo muito especial.

Água de cor,
ai! esquecemo-nos disso: bolas de Berlim à portuguesa. Vou já anotar para o próximo ano, hehehe.

CCF,
pois claro que ontem era um bom motivo para estar em Berlim. Foi mesmo especial.